Semifinal do Alagoano: CSE sai na frente, mas CSA empata no apagar das luzes

Esportes

Foto: ascom CSA/ Augusto Oliveira

Por ter melhor campanha, o empate leva o CSA a final do estadual

O CSE recebeu o CSA em partida válida pela semifinal do campeonato Alagoano, neste sábado (8), no estádio Juca Sampaio, em Palmeira dos índios. A partida foi de muita marcação e determinação, tanto que os gols só saíram nos acréscimos do primeiro e no limite do segundo tempo.

No primeiro tempo as melhores chances foram do CSA. A primeira com Dellatorre, que acabou não vingando por conta da posição irregular, famoso impedimento. A segunda iniciou com boa jogada de Patrick Brey e Marco Túlio e encerrou com finalização de Marquinhos e uma grande defesa de Alexandre. O Tricolor respondeu aos 48 do primeiro tempo com gol de Jan Pieter. Dackson cobrou escanteio e Jan subiu mais que todo mundo e cabeceou pro chão, como manda a caderneta, tirando do goleiro Darley.

Durante boa parte do segundo tempo o CSE conseguiu anular o ataque do CSA e ainda assustou, Darley por duas vezes precisou se virar para evitar o segundo gol.

O técnico Bruno Pivetti, já recuperado da Covid-19 e a beira do gramado, fez algumas substituições visando aumentar o poder ofensivo do Azulão, deu resultado. Primeiro Yuri acertou o travessão, ainda na jogada Gabriel tentou de cabeça, a zaga salvou, mas a bola ainda bateu na trave antes de cessar o perigo. O mesmo Gabriel acertou a trave novamente apenas 2 minutos depois. Pressão total. Aos 45 do segundo tempo, Ítalo cruzou da direita: Iury ganhou dos zagueiros e deu um toquinho para marcar o gol de empate; 1 a 1.

Com o resultado, o CSA, por ter melhor campanha, garantiu a chance de passar para a final com um empate em qualquer placar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *