Com caso confirmado de variante da Covid-19, prefeitura de Viçosa decreta ‘toque de recolher’ das 21h às 5h

Destaque

A Prefeitura de Viçosa publicou um decreto na noite desta quarta-feira (24), restringindo a circulação de pessoas e proibindo o funcionamento de bares, restaurantes, lanchonetes, lojas, templos religiosos, academias e outros estabelecimentos, entre às 21h e às 5h. A realização de eventos também está proibida. A medida vale, inicialmente, até às 23h59 do dia 11 de março, mas pode ter o período prorrogado. Viçosa registrou um caso da variante brasileira da Covid-19.

O decreto também reforça a manutenção do uso obrigatório de máscara de proteção, para as pessoas em atividade profissional e disponibilização de sanitizantes (álcool em gel 70%), e/ou lavatórios com água e sabão nos
estabelecimentos.


“Todos os servidores públicos da Administração Pública Direta e Indireta, no âmbito desta municipalidade, para as suas práticas laborais, deverão fazer uso do equipamento de proteção individual (…) Os civis e demais interessados nos serviços públicos, só poderão adentrar nos Órgãos
Públicos desta municipalidade portando máscara, sem prejuízo de outros equipamentos de proteção individual. Em caso de negativa desse material, a pessoa não poderá adentrar ao recinto do empreendimento”, diz trechos do decreto.

A variante brasileira da Covid-19 foi diagnosticada em uma mulher de 36 anos do município de Viçosa, ela tem histórico de viagem ao Amazonas. A paciente já cumpriu o isolamento e é considerada recuperada da doença.

Confira a listas de estabelecimentos e serviços suspensos a partir das 21h até às 5h:

I – bares, restaurantes, lanchonetes E estabelecimentos congêneres; (com exceção do serviço
de Delivery)
III – templos, igrejas e demais instituições religiosas, permitindo seu funcionamento interno;
IV – Academias, clubes, centros de ginástica e estabelecimentos similares;
V – Lojas ou estabelecimentos que pratiquem o comércio ou serviços de natureza privada;
VI- Eventos e Exposições de qualquer natureza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *